• Ouça Ao Vivo:

Fake news: Weintraub compara operação do STF com nazismo

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, comparou a operação da Polícia Federal feita nesta quarta-feira (27), que mira suspeitos de participação em um esquema para divulgação de fake news, a ações do regime nazista, responsável pela morte de milhões de pessoas.

“Hoje foi o dia da infâmia, VERGONHA NACIONAL, e será lembrado como a Noite dos Cristais brasileira. Profanaram nossos lares e estão nos sufocando. Sabem o que a grande imprensa oligarca/socialista dirá? SIEG HEIL!”, escreveu Weintraub em uma rede social. A expressão Sieg Heil é uma saudação nazista que significa “salve a vitória” ou “viva a vitória”, usada frequentemente com a saudação de Adolf Hitler. Já a “Noite dos Cristais” marcou um período de agressões contra os judeus em 1938.

A operação da PF, que resultou em 29 buscas e apreensões, foi determinada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes. Ele apontou indícios de que um grupo de empresários “atua de maneira velada financiando recursos para a disseminação de notícias falsas e conteúdo de ódio” contra o STF e outras instituições.

Ontem, Moraes determinou que Weintraub seja ouvido pela Polícia Federal para explicar suas falas durante a reunião ministerial do dia 22, quando disse que, por ele, colocaria os ministros da Corte “na cadeia”.