• Ouça Ao Vivo:

Covid-19: Força-tarefa interdita 13 estabelecimentos no Centro

Uma força-tarefa coordenada pela Vigilância Sanitária fechou 13 estabelecimentos da região central de Campinas nesse sábado (4). Seis equipes de diversos setores da administração pública participaram da força-tarefa. 

Ao todo, 59 estabelecimentos dos segmentos de salão de beleza, estética e academias foram inspecionadas no último sábado. Todos oferecem serviços que não são considerados essenciais, ou seja, não poderiam estar abertos devido a quarentena de combate ao novo coronavírus (covid-19).

Dos 59 estabelecimentos vistoriados, 13 estavam funcionando e foram interditados. Eles receberam uma multa de R$ 1.446,44. Em casos de reincidência, a multa dobra.

Também no sábado, uma clínica de fisioterapia foi autuada e será também multada por desenvolver atividade não autorizada.

A ação foi coordenada pela Vigilância Sanitária, do Devisa (Departamento de Vigilância em Saúde), e contou com o apoio da Defesa Civil, Procon (Departamento de Proteção ao Consumidor), Seplurb (Secretaria de Planejamento e Urbanismo), Setec(Serviços Técnicos Gerais) e GM (Guarda Municipal).

Os locais e estabelecimentos fiscalizados são escolhidos baseados em denúncias recebidas, principalmente via sistema 156. Outro aspecto é o fato das regiões possuírem comércio local com intenso fluxo de pessoas, assim como a análise da distribuição dos casos da doença.