• Ouça Ao Vivo:

Campinas volta para a fase vermelha do Plano São Paulo de reabertura

A região de Campinas foi reclassificada pelo Governo do Estado de São Paulo, nesta sexta-feira (3), para a fase 1 - vermelha, a mais severa do Plano SP, que regulamenta o funcionamento das atividades econômicas durante a pandemia do novo coronavírus. Com isso, nos 42 municípios que compõem a regional, poderão funcionar apenas os serviços essenciais a partir da próxima segunda-feira (6).

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB), anunciou já na manhã desta sexta-feira (3), durante coletiva de imprensa, que a cidade publicará um decreto, em edição extraordinária do Diário Oficial neste sábado, para regulamentar as atividades que poderão funcionar a partir da próxima segunda. No início da tarde, o governador, João Doria, reforçou a mudança de fase.

Até esta sexta, a região de Campinas estava enquadrada na fase laranja, que permite, por exemplo, a abertura do comércio com algumas restrições. Apesar disso, a cidade de Campinas, que é sede da região administrativa, já estava com comércios fechados por recomendação do estado por conta dos índices preocupantes relacionados à pandemia no município.