Black Friday completa dez anos no Brasil com novos desafios para as marcas

A Black Friday completa dez anos no Brasil com novos desafios para empresas e consumidores mais exigentes. Com conteúdos cada vez mais diversificados e multiplataforma, marcas investiram em novas formas de atingir o público.

Neste ano, o Youtube, em parceria com a Play9, transmitiu a maior live sobre a Black Friday do Brasil, contando com influenciadores digitais que, juntos, somam mais de 130 mil inscritos.

O sócio fundador da Play9, João Pedro Paes Leme, destaca o alcance da iniciativa para os consumidores e para o varejo. “Você ter a sensação e o interesse de criar uma história bem contada, em que a marca, o influenciador, a história em si, o formato, o cenário, sejam parte daquele roteiro que você quer levar para o expectador de uma maneira clara e sem interrupção”, disse.

Ele acredita que o volume de seguidores amplia a responsabilidade dos influenciadores na hora de anunciar um produto ou uma promoção.

Para o head de insights para varejo do Google Brasil, Diego Venturelli, quem compra olha muito além das ofertas.  “Por exemplo, um gim. Ele tem que tomar uma decisão para comprar o gim, ele vai buscar até características de acidez e assim por diante do gim. Então o consumidor está extremamente obcecado, focado, nas informações antes de tomar qualquer tipo de decisão de compra”, avaliou.

Segundo o Google, os brasileiros estão focados, nesta Black Friday, em adquirir smartphones, televisores e eletrodomésticos. Entre os produtos mais procurados, está a lavadora de roupas.

Ao todo, oito milhões de pessoas vão comprar em lojas virtuais pela primeira vez.